slideslide
Capelin advocacia
EXCELÊNCIA NO ATENDIMENTO EM:
|

 

 

 

 
 

O INSS negou meu benefício. O que devo fazer?

Veja o que fazer diante da recusa do INSS em conceder o auxílio-doença.

 

Não é à toa que o INSS é o maior litigante do Brasil. Inúmeros benefícios e aposentadorias são indeferidos (negados) pela Autarquia diariamente por diversos motivos e, muitas vezes, o benefício deveria ser concedido.

 

A grande maioria das negativas do INSS ocorre em benefícios de auxílio-doença, após passarem pelo perito da Autarquia, ou em operações como o "pente-fino".

 

Certo é que muitos segurados tem seu benefício indevidamente negado pelo INSS, deixando-os em situação extremamente vulnerável, pois não podem retornar ao trabalho e não estão recebendo o benefício.

 

A razão mais comum da negativa do benefício de auxílio-doença é a não constatação da incapacidade para o trabalho na perícia médica. Por isso é muito importante a apresentação de toda documentação médica.


Porém, saiba que esta não é uma decisão final.

 

O segurado pode recorrer da decisão administrativamente (pelo próprio INSS), sendo julgado pelo Conselho de Recursos do Seguro Social – CRSS ou ajuizar um processo judicial para concessão ou restabelecimento do benefício.

 

Na ação judicial, o segurado, por meio do advogado especialista em direito previdenciário, poderá conseguir a concessão do benefício, com o recebimento dos atrasados.

 

Independentemente de ter recorrido ou não da decisão do INSS, o segurado poderá ajuizar uma ação judicial para provar seu direito ao benefício.

 

Vale dizer que sendo concedido o benefício, o INSS deverá realizar o pagamento dos atrasados desde o requerimento administrativo, com juros e correção monetária.

 

Dica extra: Para melhor instruir o processo (administrativo ou judicial), o segurado deve sempre requerer e guardar seus atestados, exames e laudos médicos, desde o início da doença / acidente.

 

Dessa forma, poderá demonstrar toda a evolução da doença que gerou a incapacidade, os tratamentos realizados, os medicamentos utilizados, entre outros.

 

Conte sempre com o auxílio de um advogado especialista em direito previdenciário para ter seu direito respeitado e seu benefício concedido.

 


 

Netto Capelin

Advogado Previdenciário

 

  Podemos ajudar? 
Envie sua mensagem ou agende um horário com nossos profissionais.


 

 ()*
  Veja Mais

Concorrência desleal e os links patrocinados

Como e quando os anúncios podem ser considerados como concorrência desleal e quais as consequências podem gerar?

Saiba mais 

Benefício por incapacidade: Auxílio-doença e Aposentadoria por Invalidez

O auxílio por incapacidade é um benefício concedido pelo INSS ao contribuinte que está impossibilitado de trabalhar por motivo de doença, acidente ou

Saiba mais 

Banco deve indenizar por desconto indevido em benefício do INSS

Instituição financeira é condenada a restituir em dobro os valores descontados do benefício previdenciário de homem aposentado por invalidez e indeniz

Saiba mais 

Pensão por Morte

Veja quem tem direito a Pensão por Morte e como o benefício ficou após a reforma da previdência.

Saiba mais 

O que é uma assessoria jurídica empresarial?

Conheça as vantagens e a importância de contar com uma assessoria jurídica empresarial. A proteção do seu negócio deve estar em primeiro plano, evitan

Saiba mais 

Descontos em contas bancárias sem autorização

Muitas instituições financeiras vêm realizando descontos ilegais nas contas bancárias dos consumidores. Por isso, saiba quando os descontos em contas

Saiba mais 
Exibindo de 1 a 6 resultados (total: 27)
Tecnologia do Google TradutorTradutor